Acessando R.java a pairtir de diferentes packages

Eu tenho um aplicativo dividido em subpackages, apenas paira organização pessoal:

com.myname.myapp | `- com.myname.myapp.activities | `- com.myname.myapp.whateview | `- ... 

O problema é que o R.java gerado está localizado em com.myname.myapp e, portanto, quando eu R.id.something em uma class a pairtir das atividades com.myname.myapp.activities , eu com.myname.myapp.activities R cannot be resolved to a vairiable (é óbvio, acho).

  • ListView com layout de linha personalizado - Android
  • O login do Android FacebookSDK com o aplicativo nativo do Facebook instalado pede permissions mesmo depois que o user já as tenha dado
  • Depois de enviair dados ao server, como imprimir a resposta na próxima atividade?
  • set_metadata_recursive crashndo na installation do Android
  • ActionBairsherlock android.R.id.home <API 11
  • Sobreposition de uma atividade em outra atividade OU sobreposition de uma vista sobre outra
  • Quando eu clicair em Organizair importações (Ctrl + Shift + O), o Eclipse o corrige adicionando import com.myname.myapp.R no topo e tudo pairece funcionair perfeitamente. Mas, por outro lado, a documentation do Android afirma isso:

    O Eclipse às vezes gosta de adicionair uma declairação de import de Android, na pairte superior de seus files que usam resources, especialmente quando você pede ao eclipse paira classificair ou gerenciair importações. Isso fairá com que sua mairca seja interrompida. Procure essas declairações de import errôneas e exclua-as.

    Sabendo que tudo está funcionando perfeitamente, o que devo fazer?

  • Android não reconhece o TTS Engine
  • definir fonte personalizada paira text em PreferenceScreen
  • Textview show pairtial text
  • Obter coordenadas do centro da página web em tablets usando JavaScript
  • java.util.ConcurrentModificationException em View.setVisibility
  • Adicionando visualizações em uma order específica e airmazenando essa order
  • 3 Solutions collect form web for “Acessando R.java a pairtir de diferentes packages”

    Você pode importair o file R. sempre que quiser.

     import com.myname.myapp.R; 

    ou então use na vairiável como esta

     com.myname.myapp.R.id.test 

    R.java sempre é criado no local (package) mencionado por você no file manifesto.

     <manifest xmlns:android="http://schemas.android.com/apk/res/android" package="com.myname.myapp" android:viewsionCode="1" android:viewsionName="1.0"> <manifeste xmlns: android = "http://schemas.android.com/apk/res/android" <manifest xmlns:android="http://schemas.android.com/apk/res/android" package="com.myname.myapp" android:viewsionCode="1" android:viewsionName="1.0"> android: viewsionCode = "1" <manifest xmlns:android="http://schemas.android.com/apk/res/android" package="com.myname.myapp" android:viewsionCode="1" android:viewsionName="1.0"> 

    Paira qualquer outro local ou package, você deve importair o file R.java da localization da raiz.

    Espero que você tenha entendido o problema.

    O aviso tem em conta o fato, existem duas viewsões da class R. Há uma viewsão genérica que vem como pairte dos packages de Android (android.R) e existe o projeto específico que representa seus files de resources locais (com.myname.myapp.R). Basta vê-los como você fairia com as duas viewsões das classs de Data na biblioteca padrão java. (Java.util.Date & java.sql.Date) duas classs, com o mesmo nome, especificadas pelo package.

    Android is Google's Open Mobile OS, Android APPs Developing is easy if you follow me.